Debates, cursos e workshops inéditos abrirão programação científica do CBRA 2019 em Curitiba

11 de julho de 2019

Programação em Curitiba terá sete cursos e dois workshops de capacitação com troca de experiências entre profissionais de reprodução assistida

Curitiba receberá, de 31 de julho a 3 de agosto, o XXIII Congresso Brasileiro de Reprodução Assistida (XXIII CBRA). Antes do evento, acontecerá o pré-congresso com uma programação multidisciplinar e debates inéditos conduzidos por especialistas em reprodução assistida e áreas afins, como ginecologistas, urologistas, mastologistas, oncologistas, psicólogos e biólogos. Serão sete cursos e dois workshops, sendo um voltado para ginecologistas e outro para urologistas. A iniciativa é da Sociedade Brasileira de Reprodução Assistida (SBRA).

“Nós ampliamos o número de cursos pré-congresso e teremos diversos debates inéditos sobre ‘Oncofertilidade – congelamento de tecido ovariano’, ‘Marketing e fidelização de pacientes em reprodução assistida’, ‘Princípios da psicologia em reprodução humana, ‘Espermatozoide’ e ‘Simpósio sobre boas práticas de profissionais atuantes em reprodução assistida da REDLARA”, explica o presidente do Congresso, Álvaro Ceschin. Ele também destaca que a programação do pré-congresso terá cursos abertos a profissionais inscritos apenas para a atividade selecionada.

No período da manhã, os participantes poderão assistir ao curso “Gameta Day”, que traz temas relacionados ao espermatozoide. Entre as temáticas que serão abordadas estão, espermatogênese, falha da fertilização, implantação e técnicas de análise de seleção espermática, infertilidade masculina, criopreservação de espermatozoides e parênquima testicular. Organizado pela Red Latinoamericana de Reproducción Asistida (REDLARA), o curso será realizado das 8h às 18h. Haverá também discussões sobre ovogênese, desenvolvimento folicular e sua associação com a maturação oocitária, métodos alternativos para preservação de fertilidade na mulher, entre outras.

A programação traz ainda temas atuais como a intenção de gerar e criar filhos na população trans – impasses e possibilidades. O assunto será debatido no curso “Psicologia em Reprodução Humana”, que será aberto a todos os profissionais, mesmo àqueles que não estejam inscritos no CBRA 2019. O curso é destinado a psicólogos, estudantes de psicologia e profissionais de saúde, e ocorrerá das 8h30 às 18h.“Traremos algumas reflexões sobre a maternidade e a paternidade de pessoas trans. A fertilidade ou infertilidade nesse contexto não é uma certeza e impacta seriamente nessas vidas”, explica a psicóloga Esther Siza Tribuzi.

O curso também abordará as constelações familiares e como elas podem contribuir para a compreensão da infertilidade em tempos de Reprodução Assistida e sobre as necessidades e preocupações dos receptores de gametas. A programação estará disponível aos participantes das 10h30 às 17h.

Ao longo do dia, os convidados vão apresentar alternativas de tratamentos clínicos para melhoria da qualidade seminal, vitrificação de óvulos e embriões e oncofertilidade. O embriologista americano Joe Conaghan conduzirá um curso especial sobre o congelamento e descongelamento de oócitos e embriões. A programação é direcionada para profissionais que possuam experiência em práticas de rotina de laboratório.

Outro destaque da programação do pré-congresso será o curso sobre o teste genético pré-implantacional para aneuploidias (PGT-A) que possibilita a redução do risco de aborto e a falha de implantação nos tratamentos de FIV (Fertilização in vitro).

Paralelamente, enfermeiros, matronas, tecnólogas e obstetras vão conduzir o II Simpósio de boas práticas de profissionais atuantes na assistência em reprodução assistida. Segurança do paciente, preservação da fertilidade feminina na sociedade, como aconselhar os pacientes, prevenção da hiperestimulação ovariana, impactos positivos e negativos na orientação para uma assistência de qualidade, ferramentas para práticas eficazes na atenção ao casal infértil, serão temas debatidos ao longo do dia, em quatro mesas redondas, realizadas das 8h30 às 18h. Participam das discussões especialistas nacionais e de outros países, como Chile, Argentina e Peru.

“Esse é o grande diferencial desse evento. Iremos reunir em um só local profissionais de diversas áreas da saúde, e de vários países, com o objetivo de debater assuntos específicos de cada área de atuação, com momentos de interação entre elas. Será um intercâmbio muito importante porque a gente só consegue ter um bom resultado no nosso trabalho, se tivermos uma interface afinada entre os profissionais envolvidos”, reforça o presidente do CBRA.

Serviço: XXIII Congresso Brasileiro de Reprodução Assistida
Data: 31/7 a 3/8
Local: Expo Unimed Curitiba (R. Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 5300 – Campo Comprido, Curitiba – PR)
Mais informações sobre o evento: http://sbracongressos.com.br
Inscrições: https://sbracongressos.com.br/inscricoes/
Programação do pré – Congresso: https://sbracongressos.com.br/programacao/

Por Fernanda Matos – Conversa Coletivo de Comunicação Criativa

Fale Conosco

Preencha seus dados




Secretaria Executiva | SBRA
SCES Trecho 3, Conjunto 6, Sala 209 | Associação Médica de Brasília | Asa Sul, Brasília-DF – CEP: 70200-003
Telefone: (61) 3225-0019
Celular: (61) 9.8419.0385
E-mail: [email protected]