CBRA 2020 reúne autoridades internacionais e nacionais da reprodução assistida em evento online

21 de setembro de 2020

Maior congresso do setor realizado no Brasil acontecerá de 1º a 3 de outubro e será 100% online; novidades da reprodução assistida compõem a agenda das discussões

Novos protocolos de estimulação ovariana, falha de implantação embrionária, manejo do paciente azoospérmico, fragmentação do DNA espermático e uso de espermatozoides testiculares, novas técnicas de biometria facial na escolha de doadores. Esses são alguns destaques da programação do XXIV Congresso Brasileiro de Reprodução Assistida (CBRA 2020), que acontece de 1º a 3 de outubro. Promovido pela Sociedade Brasileira de Reprodução Assistida (SBRA), o Congresso é o maior evento sobre o tema realizado anualmente no Brasil e, em 2020, será 100% online.

Ao longo dos três dias de encontro virtual, os profissionais de todas as áreas envolvidas em reprodução, como médicos, embriologistas, enfermeiros, psicólogos e biólogos irão debater sobre avanços, tecnologias, questões éticas e perspectivas da reprodução assistida no Brasil e no mundo. A programação está dividida em mesas-redondas, debates, simpósios e apresentações de temas livres. Cada painel terá um coordenador brasileiro e palestrantes internacionais que debaterão sobre os temas propostos. 

Segundo o presidente do CBRA, Roberto Antunes, graças ao excelente relacionamento da SBRA e de toda a comissão organizadora com a comunidade científica mundial, foi possível estruturar uma programação compacta, mas repleta de autoridades mundiais da área de reprodução assistida. 

“Ajustamos a programação para oferecer uma experiência on-line da maior qualidade possível, com a participação de grandes nomes da medicina reprodutiva mundial que vão engrandecer ainda mais o evento, a exemplo de Filippo Ubaldi, Carlos Simón, Sesh Sunkara, Ashok Agarwal, Nikolaos Polyzose, Richard Paulson e Antonio Capalbo. Será um evento fantástico para todos os participantes, especialmente nós, brasileiros, em que teremos a oportunidade de acompanhar um alto nível de discussões, colocando o CBRA no mesmo patamar de eventos europeus e americanos”, ressalta.

PRÉ-CONGRESSO – Como de costume, além da programação oficial, os profissionais participarão de debates e palestras que ocorrerão durante o pré-congresso, realizado no dia 1º de outubro. A agenda terá dois simpósios – o de Psicologia em Reprodução Assistida e de Reprodução Assistida em Enfermagem –, ambos centrados no tema da COVID-19 e seus desafios. Também haverá cursos de “Gestão inovadora e tendências no mercado de reprodução assistida” e de IVF Tech & Routine Update, com destaques para as inovações nos laboratórios de Reprodução Assistida. Veja a programação completa clicando aqui.

No segundo dia do evento (2 de outubro), serão realizados dois debates, quatro mesas-redondas, três simpósios e apresentações de temas livres selecionados. Segundo a presidente da SBRA, Hitomi Nakagawa, o rico teor científico do CBRA será mantido e o evento vai continuar com a sua missão de qualificar ainda mais o exercício da reprodução assistida no Brasil e no mundo. 

“Nesta situação inusitada que vivemos e com a construção da grande rede de profissionais que representa a SBRA, não poderíamos deixar passar em branco as evoluções que estão acontecendo e a troca de experiências fundamentais para quem trabalha na área. Sem dúvida, também já estamos em contagem regressiva para nos abraçarmos após vencer essa etapa das nossas vidas no XXV CBRA, que ocorrerá no Rio de Janeiro, em 2021”, afirma Nakagawa.

CONHEÇA PARTE DA PROGRAMAÇÃO DO DIA 2 DE OUTUBRO: Debate da Fertilidade: PGT-A vs. não PGT-A – coordenado pela presidente da Red Latinoamericana de Reproducción Asistida (REDLARA), Maria do Carmo Borges de Souza, o debate terá palestras do médico italiano Antonio Capalbo e do norte-americano Richard Paulson. Será das 12h às 13h, na Sala 1. 

Mesa 1: Protocolos de Estimulação Ovariana – mesa será coordenada pela presidente da SBRA, Hitomi Nakagawa, contará com as palestras de Nikolaos Polyzos, Filippo Ubaldi e Sesh Sunkara, que debaterão sobre “Ciclos antagonistas vs. Progesterona primed”, “DuoStim” e “Baixa resposta: protocolo, dosagem, adjuvantes”, das 14h às 15h30, na Sala 1. Mesa 2: Falha de Implantação Embrionária – a mesa-redonda será coordenada pelo ginecologista e ex-presidente da SBRA Selmo Geber e contará com palestras de Imaculada Moreno, Danilo Cimadomo e Diana Alecsandru, que debaterão sobre endométrio, laboratório e imunologia, das 16h30 às 18h, na Sala 1. 

Mesa 1: Laboratório em Foco – a mesa-redonda será coordenada pelo médico Bernardo Lamounier e contará com as palestras de Lídia Cantú, Joe Conaghan e Carlos Simón, que farão apresentações sobre “Como ter excelência no controle de qualidade do laboratório”, “Avanços nas técnicas de vitrificação de oócitos e embriões” e “PGT-A não invasivo, futuro ou realidade?”, das 12h às 13h30, na Sala 2. Mesa 2: Cultivo Embrionário – a mesa-redonda será coordenada pela médica Bruna Barros e contará com a palestra de David Gardner e os seguintes debatedores: Daniele Schneider, Edson Lo Turco, Patrícia França e Rita Figueira. O tema da apresentação será os princípios do cultivo embrionário e os debates acontecerão das 16h às 18h, na Sala 2. 

A programação também terá debate sobre “Single ET vs. Multiple ET”, com a coordenação do médico Mauro Gomes e palestras com Javier Crosby e Javier Garcia, das 13h30 às 14h30, na Sala 2; tema livre, coordenado por Raquel Alvarenga e apresentado por Claudia Petersen e Mariana Nicolielo Barreto, das 15h30 às 16h, na Sala 2; e simpósios patrocinados. Veja a programação completa do dia 2 clicando aqui.

No último dia do evento (3 de outubro), serão realizados dois debates, quatro simpósios, quatro mesas-redondas e apresentações de temas livres selecionados. 

“Nós, da comissão científica e diretoria da SBRA, nos esforçamos para trazer um evento de altíssimo nível, com os mais atuais temas da reprodução assistida apresentados, debatidos e discutidos pelos principais especialistas do mundo. Além de  debates com especialistas a favor e contrários sobre temas controversos da atualidade, teremos mesas-redondas de altíssimo nível. Esperamos que todos possam aproveitar a programação e que as discussões possam acrescentar à prática clínica diária, focando sempre nos melhores resultados dos tratamentos a todos os nossos pacientes”, ressalta o diretor científico do CBRA 2020, Matheus Roque.

CONHEÇA PARTE DA PROGRAMAÇÃO DO DIA 3 DE OUTUBRO:  Debate da Fertilidade: Janela de Implantação – coordenado pelo ginecologista e membro da diretoria da Rede Latino-Americana de Reprodução Assistida (REDLARA) e ex-presidente da SBRA Adelino Amaral, o debate contará com a participação do médico espanhol Carlos Simón e acontecerá das 12h às 13h, na Sala 1. 

Mesa 3: Andrologia e R.A – a mesa-redonda será coordenada pelo vice-presidente da SBRA, Paulo Franco Taitson, e contará com palestras de Rupin Shah, Ashok Agarwal e Edson Borges Jr., que debaterão sobre manejo do paciente azoospérmico; fragmentação do DNA espermático e uso de espermatozoides testiculares; e tratamento clínico da infertilidade masculina, das 14h às 15h30, na Sala 1. Mesa 4: Novas Tecnologias em Reprodução Assistida – a mesa-redonda será coordenada pelo ex-presidente da SBRA Eduardo Pandolfi Passos e contará com palestras de Cristina Hickman, Kutluk Oktay, além da apresentação do único brasileiro a palestrar no evento, o ginecologista e ex-presidente da SBRA José Gonçalves Franco Júnior. Eles debaterão sobre inteligência artificial, congelamento de tecido ovariano a ativação folicular e PGT não invasivo, respectivamente, das 16h30 às 18h, na Sala 1.

Mesa 3: Novas Tecnologias – Laboratório  – a mesa-redonda será coordenada pela médica Joyce Fioravanti e contará com as palestras de Mariabeatrice Dal Canto, Luis Arenaz e Roberta Maggiulli, que farão apresentações sobre “Time lapse, onde estamos?”, “Técnica de biometria facial na escolha de doadores” e “Marcadores de qualidade de óvulos”, das 12h às 13h30, na Sala 2.  Mesa 4: Sessão Interativa – coordenada pelo médico Mauro Gomes, terá debates com Rene Eduardo Busso, Bernardo Lamounier, Ricardo Azambuja, Daniela Braga, Ana Cristina Mancebo e Raquel Alvarenga, Claudia Petersen e José Roberto Alegretti, das 16h às 18h, na Sala 2. 

A programação prevê ainda debates sobre “Fertilidade: interação clínica vs. laboratório”, com a coordenação de Rene Eduardo Busso, e palestras com Natália Basile e Marcos Horton, que falarão sobre “Relação da influência da clínica no laboratório” e “Influência do laboratório na clínica”, das 13h30 às 14h30, na Sala 2; apresentação de tema livre coordenada por Cláudia Petersen e apresentada por Alecsandra Gomes e Luiza Borges de Araújo, das 15h30 às 16h, na Sala 2; e simpósios patrocinados. Veja a programação completa do último dia do CBRA clicando aqui.

Neste ano, o CBRA 2020 será totalmente gratuito para sócios da SBRA, da Associação Brasileira de Embriologistas (PRONÚCLEO), da REDLARA e alunos de graduação. As inscrições para o evento podem ser realizadas clicando aqui.

SERVIÇO: XXIV Congresso Brasileiro de Reprodução Assistida

Data: 1º a 3/10/2020

Local: Plataforma virtual, a ser definida.

Acompanhe as novidades sobre o CBRA 2020 no site do evento: cbra2020.com.br

Acesse a programação completa clicando aqui

Por Fernanda Matos – Conversa | Estratégias de Comunicação Integrada.

Fale Conosco

Preencha seus dados




Secretaria Executiva | SBRA
SCES Trecho 3, Conjunto 6, Sala 209 | Associação Médica de Brasília | Asa Sul, Brasília-DF – CEP: 70200-003
Telefone: (61) 3225-0019
Celular: (61) 9.8419.0385
E-mail: presidenciasbra@gmail.com