Problemas como hipertensão gestacional e pré-eclâmpsia podem afetar a mulher; criança corre risco de malformações

12 de setembro de 2017

Mulheres que engravidam quando estão em sobrepeso ou obesas estão mais propensas a desenvolver problemas de saúde, tais como diabetes, hipertensão gestacional, pré-eclâmpsia, hemorragia no pós-parto ou mesmo parto prematuro.

Excesso de peso corporal compromete ciclos hormonais e podem diminuir chances de reprodução natural em homens e mulheres. 

 18 de setembro de 2017 

O sobrepeso e a obesidade podem interferir significativamente na capacidade reprodutiva, especialmente por afetar os ciclos hormonais. Nas mulheres, o excesso de peso causa ciclos menstruais irregulares associados à disfunção ovulatória. Já nos homens, ele pode afetar a produção de testosterona, a vitalidade dos espermatozóides, causar disfunção erétil, alterações hormonais e redução no desejo sexual.

Até essa idade, 15 óvulos representam 30% de chances de concepção. A partir dos 40, média necessária passa a ser de 40 a 50 óvulos e as chances ficam em 12%

24 de agosto de 2017

Mulheres abaixo dos 35 anos e com boa reserva de óvulos têm maiores chances de serem mães quando comparadas às de 40 anos em diante. Isso porque até os 35 anos as que congelam óvulos maduros para preservação necessitam, em média, de 15 deles para obter em torno de 30% de chances de sucesso no tratamento. Nas acima dos 40, essa média sobe para cerca de 40 a 50 óvulos e as chances de concepção se reduzem, sendo que 12% delas conseguem ter seus bebês.

Please publish modules in offcanvas position.