Previous Next

21ª edição do evento teve  mais de 1000 participantes e contou com a participação de 157 palestrantes nacionais e internacionais

9 de agosto de 2017

Mais de 1000 participantes de 157 especialistas em diversas áreas relacionadas à reprodução humana (RHA) assistida participaram da 21ª edição do Congresso Brasileiro de Reprodução Assistida (CBRA), realizado entre os dias 2 e 5 de agosto na cidade de São Paulo.

Entre os destaques da programação organizada pela Sociedade Brasileira de Reprodução Assistida (SBRA), realizadora do evento, momentos como o Fórum Popular, o Simpósio da Rede Latino-Americana de Reprodução Assistida (RedLara) e o curso sobre a ‘Validação dos processos organizacionais na clínica de Reprodução Assistida’.

O Congresso foi marcado pela diversidade e qualidade dos debates científicos, além da intensa participação do público, que discutiu temas como a andrologia, enfermagem em reprodução assistida, pesquisa básica e laboratório, aspectos éticos, psicológicos e clínicos da RHA. Cursos, palestras e lançamentos de livros também integraram a programação.

Conforme ficam mais velhos, percebe-se nos homens uma diminuição no volume seminal, na concentração, motilidade e forma dos espermatozoides .

A infertilidade masculina pode estar relacionada à varicocele, ao estilo de vida, como sedentarismo, obesidade e consumo de drogas ilícitas, mas também pode ser afetada pela idade do homem. No próximo dia 15 de julho, o Brasil comemora o Dia do Homem, data importante para alertar o público masculino sobre a necessidade de cuidar da saúde em todas as fases da vida. 

O evento terá apresentação de conferências por convidados internacionais e incluirá fórum popular sobre medicina reprodutiva 

24/07/2017

A Sociedade Brasileira de Reprodução Assistida (SBRA) realizará, de 2 a 5 de agosto, em São Paulo, o 21º Congresso Brasileiro de Reprodução Assistida (CBRA). O evento contará com convidados internacionais e uma programação científica diversificada, com palestras, cursos e debates. A novidade deste ano é a realização do Fórum Popular, um espaço de diálogo sobre reprodução assistida com a população interessada no tema.

Especialista da SBRA recomenda o congelamento de espermatozoides, óvulos, embriões ou tecido testicular e ovariano antes de começar o tratamento para cura da doença 

Nos últimos anos, além de estudar a cura do câncer, profissionais da saúde também se preocupam em manter a qualidade de vida dos pacientes. A radioterapia, quimioterapia e cirurgias utilizadas no tratamento do câncer podem, muitas vezes, levar à infertilidade, e por isso, falar sobre as possibilidades de preservação da fertilidade após tratamento da doença pode afetar diretamente no bem estar das pessoas. 

Please publish modules in offcanvas position.